Blog

Automação de Iluminação

17 de março de 2017

A automação de iluminação é um dos principais itens quando se quer falar sobre projetos de casas automatizadas.

Muito se discute sobre como a automação residencial pode trazer benefícios para uma casa, mas as vezes os moradores não visualizam todos os benefícios.

A automação é vinculada com modernidade, controle por celular e botões de cenas que disparam diversas ações nas casas dos clientes.

Mas na prática, como podemos contar com um sistema de automação residencial?

Existem diversos sistemas da casa que podem ser integrados, dentre eles podemos considerar: a iluminação,  aparelhos de audio e video (Home Theather), controle de cortinas, ar-condicionados, irrigação, monitoramento de energia, e outros mais específicos.

Todos esses itens são integrados, se falam entre si, geralmente por uma central de automação, e  são controlados de uma maneira fácil para o usuário, como um tablet ou por interruptores inteligentes. Criamos um artigo sobre escolha de sistemas de automação residencial para introduzir o assunto.

Todos esses sistemas são muito importantes, vamos tratá-los em nossos artigos aqui no site. O primeiro assunto é sobre a iluminação.

Automação de Iluminação Residencial

Atualmente em cada projeto de um novo apartamento encomendado ao um arquiteto possui grande variedade e quantidade de pontos de iluminação. Fazemos um parêntesis aqui,  atualmente praticamente todos novos projetos são com pontos de iluminação LED. Acreditamos ser devido as facilidades da desse tipo de iluminação atualmente, mais econômicas, não esquentam muito e cada vez pesando menos no bolso. Mas tem que se atentar para a boa qualidade das lâmpadas de LED, precisam ser de boa procedência e ter garantia.

A iluminação de uma maneira geral  também traz grandes possibilidades estéticas na combinação dessas luzes, tudo pensado pelo arquiteto, no que se chama Projeto Luminotécnico.

A grande questão nessa parte é como lidar com diversos pontos de luz numa sala, seis pontos ou talvez oito ou mais? E num apartamento ou casa modernos, com diversos ambientes, a quantidade de pontos pode facilmente chegar a dezenas. Se esses pontos forem controlados por nterruptores comuns, pode demorar um tempo razoável para o morador aprender quais teclas do interruptor comum apertar para acender a iluminação correta para a sala de jantar.

Nesse ponto, por sugestão do arquiteto ou pela sua lembrança da casa do amigo ou familiar que visitou que existe alguma coisa que pode ajudar e essa coisa é a automação de iluminação residencial.

Mesmo um projeto de automação residencial simples pode ajudar nesse aspecto, aliás é um dos seus fortes.

Recursos da automação da iluminação

-Usar menos botões para controlar toda a iluminação: criando cenas que acendem diversos pontos (e dimerizam também) de acordo com a ambientação sugerida pelo morador e/ou arquiteto.

-Usar teclas inteligentes, que além da iluminação disparam outros comandos na cena como ligar o Home Theather ou som ambiente.

-Criar cenas de iluminação que acende determinados pontos em sequências escolhidas pelo usuário, precisa ver funcionando para ver como é legal 🙂

-Controlar a iluminação por apps em tablets ou celulares

-Controlar a iluminação remotamente, caso se deseje

-Criar agendamentos de acendimento para simular presença por exemplo ou desligar toda iluminação determinado horário, e com isso aumentar a segurança pela simulação da presença

-Economia de energia pelos usos inteligentes mencionados acima

-Usar a famosa tecla “Master Off” para comodidade, ao sair de casa, apagar ela inteira em um botão.

Bastante funcionalidade não é?

 

Veja mais detalhes na nossa página de produtos:

Controle de Iluminação

 


Para maiores informações:

Automação Residencial

Casa Inteligente

Conheça nossa Fanpage: facebook.com/integrahaus/

Se tiver dúvidas sobre Automação Residencial, não hesite em nos contatar:Automação Residencial Fale Conosco

CompartilharShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Tags: ,